Gestão de Saúde Pública

Gestão de Saúde

Confira as notícias!

 

HOSPITAL SÃO GREGÓRIO DE SÃO MARTINHO INAUGURA NOVO CENTRO DE IMAGENS

Nesta Segunda – feira (29/07) ocorreu a inauguração do novo Centro de Imagens do Hospital São Gregório de São Martinho, que foi totalmente reformulado e equipado com moderno aparelho de Ultrassonografia e Raio-x.

A solenidade ocorreu no hospital e contou com a presença de toda direção, autoridades públicas, funcionários e comunidade em geral. Na oportunidade também esteve presente o Deputado Federal Pompeo de Mattos (PDT).

Este investimento que trará muitos benefícios para comunidade e região totalizou quase R$ 420 mil reais. A aquisição foi viabilizada por meio de emenda parlamentar destinada pelo deputado no valor de R$ 200 mil. Além disso, foram investidos R$ 60 mil em recursos economizados pela Câmara de Vereadores no ano passado e R$ 30 mil de um adiantamento de repasse feito pela Administração Municipal. A Câmara sugeriu que os R$ 60 mil fossem encaminhados pelo Município ao hospital.

O presidente da Sociedade Cultural São Gregório, Inácio Hunhoff, comentou que esse projeto já era um sonho antigo, e que esta realização será de grande valia a todos os usuários da cidade e região que abrange os atendimentos.

O administrador do hospital, Raife Cardoso, enfatiza que o novo equipamento possui a mesma tecnologia utilizada em grandes centros de saúde. A entidade desembolsou R$ 20 mil para ajudar a custear a compra, e assim com os recursos complementares do poder executivo, foi possível realizar o projeto.

Desde fevereiro de 2016, a administração do hospital é realizada pela empresa Exatus de Ijuí. Raife, comentou que quando assumiram a administração, a instituição estava endividada, mas a partir dessa parceria firmada junto à diretoria da entidade, equipe de profissionais, Poderes Executivo e Legislativo e comunidade foi possível recuperar o equilíbrio das finanças.

Fonte: (Créditos de reportagem e Fotos: Rádio Alto Uruguai /Thomás Silvestre/Marcia Hammes) https://www.radioaltouruguai.com.br/hospital-sao-gregorio-…/J

Sociedade Cultural São Gregório de São Martinho/RS, é contemplada com o recurso do Apoiar/ Fundo Social do Sicredi Celeiro RS/SC 2019

A Sociedade Cultural São Gregório, foi contemplada pelo recurso do Apoiar/ Fundo Social do Sicredi Celeiro RS/SC, que tem como objetivo destinar e atender ações sociais de interesse coletivo nas áreas da educação, cultura, esportes, saúde e segurança, contribuindo para o desenvolvimento social da comunidade. Os recursos provem do resultado do exercício de 2018 e distribuído entre as agências Sicredi para destinação a ações sociais.

O Hospital São Gregório foi fundado em 10 de julho de 1955, é uma sociedade civil de caráter cultural, beneficente e filantrópica, que tem por objetivos proporcionar cultura, assistência médico-hospitalar, assistência social e promoção da saúde a toda comunidade de São Martinho e região que abrange. Por ter quase 64 anos de funcionamento alguns equipamentos e materiais necessitam serem substituídos, visando a qualidade e assim promover a continuidade dos serviços prestados.

O Hospital São Gregório de São Martinho teve como projeto a aquisição de equipamentos para a cozinha, sendo um fogão a gás, um freezer e um frigobar. Este projeto tem por finalidade melhorar a qualidade dos serviços prestados, visando um melhor atendimento ao paciente, buscando adequação conforme as normas da vigilância sanitária, e também diminuição de despesas como gás e energia elétrica.

Esta aquisição beneficiara pacientes que internarem no hospital da comunidade de São Martinho, que tem uma população estimada de 5.779 habitantes, e também aos municípios que são eventualmente referenciados a São Martinho que totalizam um população total estimada de 10.971 habitantes, sendo eles Campo Novo, São Valério do Sul e Sede Nova.

Fonte: Gestão de Serviços e Exatus Soluções Estratégicas.

Hospital Aspiazu de Trindade do Sul, participa de capacitação sobre: Gestão Hospitalar e Processamento de Dados.

Na tarde do dia 02 de julho (terça-feira), as equipes de Enfermagem, Farmácia, Nutrição e Administrativo do Hospital Aspiazu de Trindade do Sul, participaram de uma capacitação promovida pela equipe administrativa da empresa Exatus Soluções Estratégicas,  sobre a Gestão Hospitalar e o Processamento de Dados.

O momento foi de muito aprendizado, e interação, e dentre os temas abordados foram:

-O Registro de Pacientes:  A sua importância no cuidado do registro e a necessidade de todos os profissionais de Saúde, que compreendem o âmbito hospitalar, sejam eles recepcionistas, enfermeiros, farmacêuticos, nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas, médicos e outros profissionais que assistem direta e indiretamente o indivíduo são responsáveis pela qualidade e veracidade no preenchimento das informações acerca do atendimento prestado;

-O Cadastro de Pacientes, contendo todas as informações necessárias e relevantes;

-A Ficha de Atendimento Ambulatorial: os Modelos de Ficha de Atendimento Ambulatorial (FAA), a FAA é o documento em que são cadastradas informações sobre a consulta do paciente no Estabelecimento de Atenção à Saúde;

-Registros de Enfermagem: Os registros fazem parte do processo de trabalho da enfermagem, devendo estar em consonância com a realidade da atuação. São considerados como documento para fins legais de defesa dos profissionais, “refletindo o empenho e força de trabalho da equipe de enfermagem, valorizando, assim, suas ações e a segurança do paciente” (COFEN – Guia de Recomendações);

-Regras Importantes para um registro qualificado: O principal objetivo do prontuário é facilitar a assistência ao paciente, sendo assim um meio de comunicação entre os diferentes profissionais da saúde para assegurar a continuidade do atendimento, tanto durante uma internação como no período entre as consultas de ambulatório.

O prontuário é, também, uma fonte de dados e conhecimentos. Estudos retrospectivos realizados por meio de consulta a prontuários têm sido fundamentais para o desenvolvimento da pesquisa médica e das demais áreas da saúde. Além desses fins, o prontuário é um suporte para a área administrativa do hospital, em seus aspectos financeiros e legais. Seus registros são cada vez mais, documentos essenciais para a elucidação de questões jurídicas e éticas cada vez mais frequentes, envolvendo pacientes, serviços de saúde e seus profissionais.

Por todos esses motivos, o prontuário não deve ser visto como um conjunto de formulários a serem preenchidos de rotina, mas sim como um depositário de importantes informações que merecem todo o empenho no sentido de se garantir sua qualidade, integridade e confiabilidade;

-Liderança Profissional:  Delegação de Responsabilidades dentro da equipe de trabalho.

Delegar significa transferir a responsabilidade de um membro da organização para outro. Normalmente, de um líder para um de seus liderados.

Delegar, além de permitir maior disponibilidade ao gestor, faz com que ele possa avaliar o potencial dos seus colaboradores. A delegação requer planejamento e dedicação, pois alguns aspectos geram insegurança e dificuldades que podem levar à resultados inadequados.

Ao executar essa função de forma satisfatória, o gestor provém segurança aos processos da empresa, aumenta a confiança dos superiores e de seus colaboradores, evita o desperdício de tempo e dinheiro e ajuda a prever situações indesejadas, promovendo melhorias ao desempenho da empresa.

Fonte: Exatus Soluções Estratégicas.

Sociedade Cultural São Gregório de São Martinho realiza assembleia ordinária

No  último dia 11 de abril, de 2019, a Sociedade Cultural São Gregório realizou assembleia geral ordinária, convocada pelo edital publicado em 29 de março 2019, nas dependências da Câmara Municipal de Vereadores de São Martinho. As 20hs dando início a assembleia, o presidente Sr. Inácio Hunhofff, saudou os associados presentes, o Prefeito Sr. Marino Krewer, o Secretário Municipal da Saúde Sr. Rodrigo Zaro, as vereadores presentes Sra. Lenir Foletto Backes, Sra. Maria Madalena Attuati da Silva e a Sra. Daniele Traesel, passando para a leitura do edital.

A pauta da assembleia, compreendeu a apresentação e deliberação sobre a prestação de contas do exercício de 2018; apresentação do relatório de gestão do exercício de 2018, e assuntos gerais. O contador da Exatus, Bel. Luís Felipe Dalegrave Legunde, (CRC-RS 099532/O-4), fez a apresentação do Balanço Patrimonial e das Demonstrações dos Resultado do último exercício. Os demonstrativas revelam que o Hospital São Gregório obteve receita total no valor de R$ 2.419.852,28 e uma despesa no valor de 2.340.248,78, totalizando um superávit no período de R$77.588,31.

O Diretor Administrativo da Exatus, Sr. Raife Cardoso, explicou aos vereadores presentes, sobre a forma de prestação de contas da entidade, e após apresentou o relatório de atividades de 2018, contendo o total de pacientes atendidos; os investimentos realizados no período; as receitas obtidas no jantar baile doas anos 2017 e 2018, bem como na Noite de Natal e na ação entre amigos, cujas receitas foram empregadas na construção da nova sala de Rx e Ultrassom, bem como para saldar folha de pagamento dos funcionários.

Também foi explanado sobre a Nota Fiscal Gaúcha, recursos que são de suma importância para entidade, pois destina-se às reformas de melhorias. Na oportunidade, a direção reiterou a importância da colaboração de todos, em participar e divulgar perante a comunidade, sobre a necessidade de adesão ao programa do governo estadual, e assim contribuir para que parte do ICMS seja revertido em recursos ao Hospital São Gregório.

Ainda, foi abordado sobre o recurso da Consulta Popular, em que o Hospital foi contemplado com valor para reforma do prédio, projeto este que está em fase de conclusão. Deu-se ciência aos presentes, que a entidade foi contemplada recurso oriundo do Poder Judiciário, da Comarca de Santo Augusto, que será utilizado na aquisição de mobiliários, além das emendas parlamentares/2017, utilizadas para a aquisição do Aparelho de Raio X e Ultrassom, já instalados na instituição.

Por fim, o Presidente, Sr. Inácio apresentou os nomes das pessoas que desejavam integrar o quadro de associados do hospital. Aprovado por unanimidade de votos, deu-se encerrada a assembleia.

Coordenadores de setor do Hospital de Caridade de Jaguari, participam de treinamento.

Nos dias 29 e 30 de Abril, realizou-se na sede da Exatus Soluções Estratégicas, em Ijuí, uma reunião de trabalho com a equipe de encarregados dos setores do Hospital de Caridade de Jaguari (HCJ). As atividades desenvolvidas, compreendem uma série de ações que visam a qualificação da gestão do HCJ, mediante oficinas de treinamento.

Na oportunidade foram abordados os seguintes temas: Apresentação da trajetória do IRDESI, valores, missão e visão; Análise do ambiente organizacional, com ênfase nos aspectos de liderança profissional, organização de escalas de trabalho e observância da legislação trabalhista vigente.

Também foram discutidos assuntos relacionados aos fatores internos e externos do ambiente de trabalho, que influenciam no dia a dia da instituição. Em relação a liderança profissional, abordou-se a imprescindibilidade da delegação de responsabilidades, avaliação das habilidades e competências dos trabalhadores, com vistas ao desenvolvimento profissional. Destacou-se ainda, a importância do feedback constante, e os ganhos que as equipes podem ter, logo a instituição hospitalar como um todo.

Frisou- se a importância da efetividade dos projetos de Humanização Hospitalar, o que torna necessária a avaliação constante das rotinas do processo de trabalho, assim como, a melhoria contínua, além do desenvolvimento e implantação de novas proposta.

Também foi esclarecido sobre as principais normas e regulamentos, que devem ser observadas na organização das escalas de trabalho, visando assegurar que as jornadas sejam executadas m conformidade com a legislação trabalhista vigente. Entre outros aspectos relevantes da Reforma Trabalhista, implementada no final de 2017, que impactam no ambiente hospitalar, discutiu-se os limites do revezamento 12×36, regime de compensação e fracionamento de férias, bem como o funcionamento do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto.

Para além de esclarecer dúvidas, a reunião de trabalho visou a interação entre as equipes, troca de experiências e compartilhamento de ideias.

Fonte: Gestão de Serviços e Exatus Soluções Estratégicas.

Hospital São Gregório avalia melhorias contínuas

No último dia 13/07/2018, reuniram-se na sala de reuniões do Hospital Sociedade Cultural São Gregório, os profissionais de enfermagem, técnicos, Diretor da Exatus Soluções Estratégicas e gerente de faturamento, para tratar sobre as melhorias realizadas, bem como da agenda de novas atividades.

Dentre outros assuntos, discutiu-se os seguintes assuntos:

  • Encaminhamentos da Unidade básica de Saúde;
  • Medicações ambulatoriais que são aplicadas em pacientes de convênios (IPÊ, UNIMED…);
  • Transferência dos pacientes do município de Sede Nova;
  • Capacitação do Sistema Hospidata, que acontecerá no dia 07/08/2018;
  • Reposição dos materiais e medicações dos ambulatórios 01 e 02 como também do posto de enfermagem;
  • Empréstimos e trocas de medicações;
  • Cobrança de gastos e preenchimento dos dados corretos dos pacientes;
  • Rotinas da farmácia do hospital.

.

Fonte:Assessoria Exatus.

Senado aprova projeto que simplifica o deferimento do CEBAS

CEBAS1O Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (14) projeto que simplifica as regras para a obtenção e renovação do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social (Cebas). De iniciativa do Poder Executivo, a proposta tramitava em regime de urgência, quando não há a necessidade de cumprir prazos ou ritos, e segue agora para sanção da Presidência da República.

Hoje, para obter a certificação, a entidade deve ofertar a prestação de serviços ao Sistema Único de Saúde (SUS) no percentual mínimo de 60% e apresentar o contrato, convênio ou instrumento congênere com o SUS. Com o PLC 187/2017, a comprovação da prestação de serviços das filantrópicas poderá ser feita com uma declaração do gestor local do SUS, flexibilizando uma exigência documental que não consegue ser cumprida por 45% das entidades, apesar de efetivamente auxiliarem o sistema público de saúde.

A proposta permite a comprovação nos processos de concessão e a renovação de certificação com requerimentos protocolados até 31 de dezembro de 2018, com exercício de análise até 2017. A declaração não será aceita nos processos cujos requerimentos sejam protocolados a partir de 1º de janeiro do ano que vem.

O relator, senador Dalírio Beber (PSDB-SC), afirmou que o projeto vem ao encontro de várias reivindicações de parlamentares no sentido de regularizar a situação de muitas entidades beneficentes, em especial a dos hospitais filantrópicos. O senador destacou que o texto é de extrema importância, diante das dificuldades que vivem essas entidades. Para a senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), o grande mérito do projeto é simplificar o processo de certificação. Os senadores José Medeiros (Pode-MT), Ricardo Ferraço (PSDB-ES), Lúcia Vânia (PSB-GO) e Ana Amélia (PP-RS) também elogiaram a proposta.

Na opinião do senador Humberto Costa (PT-PE), o projeto ajuda a resolver uma questão precária, dando segurança jurídica às entidades e aos gestores públicos. Ao apoiar a matéria, o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) disse que todos conhecem “a importância das Santas Casas”. Já o senador José Serra (PSDB-SP) lembrou que quase 20% dos municípios dependem do atendimento de um hospital beneficente. Ele destacou que a isenção dada pela lei é importante para atrair entidades para trabalhar em convênios com o SUS.

— Vamos evitar o fechamento de 12 mil leitos. Vamos também criar a possibilidade de investigar os casos de improbidade. É um projeto forte, em benefício do atendimento da saúde – celebrou Serra.

Improbidade

O projeto também contém dispositivo caracterizando como ato de improbidade administrativa do gestor do SUS a transferência de recursos às entidades sem celebração prévia de contrato, convênio ou instrumento congênere. Para as situações futuras, a proposta determina que, no caso dos serviços prestados sem contrato em situações passíveis de indeferimento ou cancelamento da certificação, o Ministério da Saúde deverá informar os órgãos de controle dos indícios da irregularidade praticada pelo gestor do SUS.

Dependentes químicos

A comprovação, via declaração do gestor do SUS, valerá ainda para as instituições que prestem serviços de atenção em regime residencial e transitório a dependentes químicos, incluídas as comunidades terapêuticas, com ou sem contraprestação do usuário dos serviços. O órgão do Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas (Sisnad) também poderá assinar o contrato com as entidades beneficentes da área de saúde que atuem no atendimento a dependentes químicos.

Cirurgias

O governo destaca no projeto que a rede filantrópica engloba um universo de 1.708 hospitais prestadores de serviços para o SUS, sendo responsável por 36,86% dos leitos disponíveis, 42% das internações hospitalares e 7,35% dos atendimentos ambulatoriais realizados na saúde pública. Os números equivalem a 49,35% do total de atendimentos ao SUS. Em 927 municípios a assistência hospitalar é realizada unicamente por um hospital beneficente, e é o setor filantrópico que executa o maior número de cirurgias oncológicas, cardíacas, neurológicas, e transplantes, entre outras, atingindo um percentual de 59,35% das internações de alta complexidade no SUS.

Vantagens

A certificação das filantrópicas, regulada pela Lei 12.101/2009, é a que reconhece uma pessoa jurídica de direito privado sem fins lucrativos como sendo de assistência social e permite a elas a isenção de pagamentos das contribuições para a seguridade social. Com o Cebas, as entidades podem celebrar convênios com o poder público, obter subvenções sociais (repasses para cobrir despesas de custeio) e até obter desconto na conta de energia elétrica.

Fonte: Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado).

Hospital São Francisco de são José do Herval obtém renovação da filantropia

10Foi publicado no Diário Oficial da União (D.O.U), de 1º de fevereiro de 2018, a Portaria nº 143 do Ministério da Saúde (MS), que defere a renovação do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social (CEBAS), na área de saúde, da Sociedade Beneficente Hospital São Francisco, de São José do Herval (RS). A renovação tem validade pelo período de 7 de dezembro de 2015 à 6 de dezembro de 2020. De acordo com Sebastião Raife, Diretor da instituição gestora do Hospital São Francisco, a filantropia é uma condição essencial para a manutenção das atividades do hospital, pois representa uma redução e até 30% no custo com algumas obrigações fiscais, benefício esse que o hospital já possuía, mas estava em avaliação pelo MS.

O processo de renovação foi encaminhado e acompanhado pelos profissionais da empresa Exatus Soluções Estratégicas de Ijuí, ainda em 2015, logo após ter sido contratada para prestar serviços de gestão ao Hospital São Francisco. Explica Sebastião, que houveram quatro diligências para apresentação de defesa e juntada de documentos, inclusive tendo sido requisitado a manifestação da Secretaria Municipal de Saúde de São José do Herval e da Secretaria Estadual de Saúde. Ocorre que, por razões desconhecidas, anterior a 2014, não haviam dados de atendimentos hospitalares do Hospital São Francisco disponíveis para consulta no TabWin, sistema de informações do governo federal que registra o histórico de todos os hospitais conveniados com o SUS existentes no país, razão pela qual foi necessário comprovar mediante documentos físicos, que de fato o hospital permanecia em atividade.

Destaca Sebastião, que não é raro pequenos hospitais perderem a filantropia por ausência de processamento de dados, ou por irregularidade jurídica e contábil, bem como, por impontualidade na organização dos documentos que devem conter o encaminhamento de renovação, o que consequentemente, aliado a outros fatores, acaba resultando no fechamento dessas instituições. Explica ainda, que independentemente de ser classificado como pequeno, médio ou grande porte, as instituições hospitalares detêm uma natureza peculiar de atuação, o que demanda um conhecimento técnico gerencial bem específico, que em geral pode ser dispensável em outras organizações, sem que haja perdas que as comprometam.

Em menos de um ano, esse é o quarto caso, de renovação de filantropia hospitalar com restrições, que a Exatus atuou e obteve êxito. Para garantir a excelência, a empresa conta com profissionais próprios, nas áreas jurídica, contábil, de gestão e processamento de dados/SUS.

FONTE: Exatus Soluções Estratégicas.

Hospital São Gregório elege nova diretoria

010060

Em Assembleia Geral Ordinária realizada no último dia 27 de abril, nas dependências do Plenário da Câmara Municipal de Vereadores de São Martinho/RS, a Sociedade Cultural São Gregório elegeu por meio dos seus associados a Diretoria que comandará o hospital pelos próximos três anos.

A NOVA DIRETORIA FICOU ASSIM COMPOSTA:

Presidente: Inacio Hunhoff

Vice-Presidente: Nereu Atanasio Welter

Primeiro Secretário: Dirce Kunz Deves

Segundo Secretário: Ilse Maria Rohr

Primeiro Tesoureiro: Jair Luis Selli

Segundo Tesoureiro: Arnaldo Da Silva

Conselho Fiscal: João Gustavo Ludwig, José Gaspar Irber, Jeancarlo Hunhoff

Conselho Suplente: Nilo Blatt, Adair Nichelle Dos Santos, Nelson Rockembach

Na oportunidade também foi realizada a prestação de contas do exercício 2016, exposição do relatório de atividades, além e assuntos gerais. O numerário contábil e financeiro demonstrou que apesar dos atrasos nos repasses do estado havidos no último ano, o Hospital de São Martinho encontra-se com as contas equilibradas.

A renovação do título de Filantropia que se estende até novembro de 2019, a compra de novos equipamentos e a instalação de um aparelho e ultrassonografia adquirido com recursos próprios prevista para o próximos meses, foram algumas das ações realizadas e apresentadas na assembleia. Além da imunidade tributária, a Filantropia traz benefícios como desconto em 50% na fatura de água, qual já foi autorizada pela Corsan.

RELAÇÃO DE EQUIPAMENTOS ADQUIRIDOS E OBRAS REALIZADAS -PROJETO MINISTÉRIO DO TRABALHO – R$ 70.000,00.

Reforma no valor de R$ 40.000,00: central de material de esterilização; reforma de 3 quartos (pintura, forro pvc, instalação elétrica, piso); reforma parte forro (troca de madeira por pvc); reforma de 2 banheiros (copa/cozinha e lavanderia); troca do piso da lavanderia (parque por cerâmica); troca de parte do piso do corredor.

Aquisição de equipamentos no valor de R$ 30.000,00: 1 Desfibrilador no valor de R$ 15.900,00; Aquisição de EPI’S para sala de Raio-x; aquisição de 5 camas hospitalares com valor total; Em fase de aquisição: 5 poltronas para acompanhantes; 1 nebulizador.

FONTE: Exatus Soluções Estratégicas.

Gestão de Saúde I Contabilidade.

07 de abril — Dia Mundial da Saúde

saudeO Dia Mundial da Saúde é celebrado anualmente em 7 de abril.

O principal objetivo desta data é conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação da saúde para ter uma melhor qualidade de vida.

Anualmente, o Dia Mundial da Saúde é destinado a discutir um tema específico que representa uma prioridade na agenda internacional da Organização Mundial da Saúde – OMS.

Em 2017, o tema do Dia Mundial da Saúde será a Depressão. Nesta ocasião, o lema oficial do evento será Let’s Talk (“Vamos Conversar”, em português), que tem o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a necessidade de ter conhecimentos que ajudam a prevenir esta doença, que pode trazer diversas consequências graves.

Todos os assuntos debatidos durante o Dia Mundial da Saúde são prolongados ao longo de todo o ano, através de atividades e palestras instrutivas e educacionais, por exemplo.

No Brasil, o debate de melhores condições de saúde também é pauta de outras datas especiais, como o Dia Nacional da Saúde (5 de agosto) e o Dia da Saúde e Nutrição (31 de março).

Origem do Dia Mundial da Saúde

O Dia Mundial da Saúde foi criado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em 1948, devido a preocupação de seus integrantes em manter o bom estado de saúde das pessoas em todo o mundo, e também alertar sobre os principais problemas que podem atingir a população mundial.

Oficialmente, o Dia Mundial da Saúde é comemorado em 7 de abril desde 1950.

De acordo com o conceito definido pela OMS “a saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.

Outras Datas Comemorativas

Mai 27 SÁB Dia do Serviço de Saúde
Dez 02 SÁB Dia Panamericano da Saúde
Ago 05 SÁB Dia Nacional da Saúde
Mar 31 SEX Dia da Saúde e Nutrição
Mai 27 SÁB Dia do Serviço de Saúde do Exército
Jun 11 DOM Dia do Educador Sanitário